EXPO MILÃO 2015 ABRE AS PORTAS COM O APOIO DA FCA

A Expo Milão 2015, a decorrer entre 5 de Maio e 31 de Outubro de 2015, exibe as tecnologias que, a nível mundial, oferecem o que de melhor existe em termos de oferta de respostas concretas a uma necessidade vital: garantir alimentação saudável, segura e suficiente para todos sem prejudicar o nosso planeta nem o seu delicado equilíbrio ambiental. A Fiat Chrysler Automobiles e a CNH Industrial participam neste prestigiado evento na qualidade de Patrocinadoras Oficiais Globais. Os significativos esforços realizados a favor de uma gestão responsável da atividade empresarial e dos respetivos produtos em três grandes áreas, como o automóvel, a agricultura e os transportes, dão uma clara indicação do nível de partilha dos ideais do maior evento alguma vez realizado em termos de alimentação e nutrição.

 

O tema central do evento é “Nutrir o Planeta, Energia para a Vida”, o que envolve, também, fazer escolhas conscienciosas, promover estilos de vida sustentáveis, utilizar tecnologias avançadas e encontrar um equilíbrio entre a disponibilidade de recursos e o seu consumo. A sustentabilidade, desde sempre uma das prioridades da FCA, impera ao longo de todo o evento e está bem patente nos nossos produtos, na nossa investigação, nas nossas atividades de desenvolvimento, nas nossas iniciativas ligadas à mobilidade sustentável e nos nossos investimentos em veículos capazes de combinar acessibilidade e inovação.

 

Prova disso é o vídeo criado para a Expo Milão 2015 que pode ser visto clicando neste link. Concebido pela agência Armando Testa, o filme exibe uma fascinante alternância entre paisagens naturais e ambientes urbanos, em que os protagonistas são pessoas de diversas nacionalidades e faixas etárias. A seu lado surgem também produtos Fiat, Alfa Romeo, Lancia, Jeep e Fiat Professional, que proporcionam máxima liberdade de movimento e respeito pelo ambiente. Enquanto estas apelativas imagens se vão sucedendo, uma voz-off "dialoga" diretamente com a Terra, lembrando que a vida é uma jornada há muito iniciada pela humanidade. Agora, mais do que nunca, é preciso prosseguir neste caminho com a consciência de que cada um de nós é responsável pela preservação do ambiente. A FCA empenhou-se em várias frentes, sendo alguns dos mais importantes resultados até agora alcançados exibidos neste vídeo, que termina com a frase: “A vida é uma viagem, vamos torná-la sustentável”.

 

A organização da Expo Milão 2015 conta com uma frota de veículos FCA caracterizada pelo baixo nível de emissões poluentes, pelos sistemas de alimentação alternativa e pelo respeito dos preceitos de mobilidade sustentável, destinada a acompanhar as delegações de convidados provenientes de todo o mundo. A frota compreende um total de 105 veículos, 35 dos quais são utilizados pelo staff da Expo 2015 S.p.A. (10 Fiat 500L Living, 4 Fiat 500L Trekking e 21 Fiat 500L Natural Power movidos a gás natural).

 

Outros 70 automóveis foram atribuídos às delegações dos países participantes na exposição, entre os quais estão incluídos 50 Fiat 500L Natural Power, alimentados também a biometano, 10 Fiat 500e de alimentação elétrica para utilização interna na área da exposição, e 6 Jeep Gran Cherokee, 2 Lancia Voyager e 2 Maserati Quattroporte, na qualidade de viaturas de representação da exposição.

 

Para além do fabrico de produtos cada vez mais sustentáveis, o empenho da FCA em relação à sustentabilidade é também visível numa série de iniciativas e projetos destinados a melhorar a experiência de milhões de clientes em todo o mundo, de cerca de 300.000 empregados e de mais de 3000 fornecedores. Estas iniciativas são claramente definidas todos os anos no Relatório de Sustentabilidade da FCA que, há mais de dez anos, realça os resultados alcançados pelo grupo bem como os seus objetivos. A mais recente edição descreve os progressos registados pelo Grupo em 2014, ano que marcou a consecução do processo de integração entre a Fiat e a Chrysler, iniciado em 2009. “A fusão dos dois grupos permitiu que nos tornássemos o sétimo fabricante mundial de automóveis e um dos que encara a sustentabilidade como a melhor via para garantir valor e dignidade aos resultados alcançados” afirmou Sergio Marchionne, CEO da FCA. O mesmo compromisso está refletido nas palavras de John Elkann, Presidente da FCA: “A criação da FCA mudou para sempre o destino das duas empresas, mas não mudou o nosso empenho em relação a um desenvolvimento responsável e sustentável.”

 

O principais resultados do Grupo podem ser analisados no Relatório de Sustentabilidade de 2014, disponível no seguinte link. Para ficar a conhecer todos os eventos e notícias relativas ao envolvimento da FCA na Expo Milão 2015, é possível consultar uma secção especial do website do grupo FCA, acessível através deste link.

 

Soluções acessíveis para todos
Ecologia e economia são dois conceitos que andam a par e passo e não apenas por existir uma relação direta entre as emissões de uma viatura e o seu consumo de combustível. De facto, de acordo com a FCA Group, para que tenham um efeito tangível, as soluções tecnológicas capazes de reduzir o impacto sobre o ambiente devem estar ao dispor do maior número possível de pessoas. Para a FCA, tornar as mais avançadas soluções disponíveis para todos é uma questão inegociável, de modo a que a inovação possa traduzir-se em vantagens concretas tanto para o ambiente como para os consumidores.

 

A FCA tem estado sempre na linha da frente do desenvolvimento de combustíveis alternativos e acessíveis através da adoção de uma estratégia muito clara: investir em soluções tecnológicas fáceis de compreender, simples de utilizar e com efeitos tangíveis a curto prazo. Foi por isso que o Grupo decidiu optar pelo gás natural, o combustível mais limpo e economicamente mais viável atualmente disponível, e que representa também uma fonte de energia potencialmente renovável, graças ao desenvolvimento do biometano: no fim de contas, de um ponto de vista produtor-consumidor, um veículo movido a biometano consegue reduzir as emissões de CO2 a níveis comparáveis aos de um veículo elétrico.

Ao longo dos últimos 15 anos, a Fiat criou um novo mercado que só recentemente testemunhou o surgimento de outros fabricantes e, atualmente, é líder na Europa na produção de veículos alimentados a gás natural desde o início, com mais de 650.000 unidades vendidas desde 1997. Atualmente, a gama de veículos alimentados a gás natural abrange 12 modelos, entre automóveis e veículos comerciais, o que permitiu à empresa ser premiada com o título “Auto Europe 2014” na categoria gás natural.

A estratégia da FCA no campo da mobilidade sustentável inclui ainda outras inovadoras soluções, como as baseadas nas tecnologias da próxima geração Multijet e MultiAir, que melhoram os tradicionais motores de propulsão (alimentados a gasolina e gasóleo) em termos de eficiência e redução de emissões, o sistema de informação e mobilidade UConnectTM que, com a sua aplicação My:CarTM, oferece um correto programa de manutenção da viatura, a inovadora caixa de velocidades automática de dupla embraiagem, a plataforma eco:Drive, que analisa o estilo de condução em função dos dados recolhidos pelo veículo e fornece conselhos pessoais para reduzir o consumo e as emissões, o sistema Start&Stop, que contribui para diminuir as emissões e o consumo em percursos urbanos, e, por fim, a nova fronteira da mobilidade sustentável representada pelo serviço Enjoy, o Car Sharing da Eni desenvolvido pela Fiat e pela Trenitalia.

Fábricas cada vez mais sustentáveis, graças ao programa WCM
Em 2014, a FCA investiu 3,7 mil milhões de euros, 2,3 dos quais nas duas mais avançadas e modernas fábricas da FCA (Pernambuco, no Brasil, e Melfi, em Itália), onde são fabricados os novos Jeep Renegade e Fiat 500X.
Uma das prioridades do Grupo é estender o programa World Class Manufacturing a todas as fábricas FCA a nível mundial, o que, indubitavelmente, levará a melhoramentos tanto na proteção do ambiente como na saúde e segurança. O WCM é um programa de produção cuidadosamente planeado que envolve a generalidade da organização, abrangendo todas as fases de fabrico e distribuição do produto, e representa a aplicação palpável do modelo de sustentabilidade ambiental desenvolvido pelo Grupo.
Dos 112 complexos industriais que adotaram o programa WCM, 54 atingiram prémios de desempenho: 38 conquistaram a medalha de Bronze, 12 a de Prata e 4 a de Ouro. Para além disso, entre 2009 e 2014, 389 fábricas de fornecedores da FCA introduziram a metodologia WCM: 259 localizam-se na área EMEA, 95 na América Latina e 42 na NAFTA.

 

Proteção de recursos naturais
Durante o ano de 2014 foram lançados aproximadamente 48.000 projetos ligados ao WCM, muitos dos quais com o objetivo de reduzir o impacto ambiental. Destes, cerca de 3.700 trouxeram reduções consideráveis no consumo de recursos naturais. Por exemplo, em 2014, o Grupo poupou 3,3 mil milhões de m3 de água e reduziu os desperdícios em 65 milhões de quilos. De sublinhar ainda que 20,4% da eletricidade utilizada pelo Grupo nos processos de fabrico a nível mundial é produzida a partir de recursos renováveis.

 

Biodiversidade e respeito pelas áreas circundantes
Sustentabilidade implica também ter o cuidado de preservar a biodiversidade nas áreas vizinhas das fábricas. Está atualmente em curso na fábrica de Pernambuco (Brasil) um projeto muito importante que tem em mente exatamente este objetivo. Para salvaguardar o ecossistema e, em especial, a flora local, a FCA vai plantar mais de 130.000 árvores nos próximos anos, incluindo uma seleção de 250 das mais de 600 espécies autóctones. Até agora, já foram plantadas 38.000 árvores, quantidade que irá crescendo gradualmente graças ao viveiro construído perto da fábrica. Trimestralmente, o viveiro irá fornecer cerca de 22.000 novas árvores prontas para serem plantadas pelos estudantes da região durante visitas organizadas à fábrica: uma forma muito prática de ensinar às gerações mais jovens a importância da biodiversidade e da proteção da sua herança natural. Têm sido levadas a cabo iniciativas semelhantes perto da fábrica de Verona (Itália), da sede da FCA nos EUA (Auburn Hills, Michigan) e na fábrica da FIAPL em Rangajon (Índia).

Bem-estar das pessoas e dieta saudável
A FCA considera a saúde e o bem-estar dos seus trabalhadores como uma das principais prioridades em todas as suas empresas e em todos os países onde opera. Todas as ações sociais levadas a cabo nas várias áreas são parte integrante desta abordagem: só em 2014, o grupo doou mais de 24 milhões de euros a comunidades locais.
Em 2012, foi lançado o “Programa de Promoção de Saúde”, constituído por vários projetos desenvolvidos e promovidos a nível local e central, com o objetivo de melhorar o bem-estar físico e mental dos empregados da empresa e das suas famílias, alertando-os para a importância de uma dieta saudável. O programa baseia-se nos princípios de saúde e segurança elaborados pelas principais organizações internacionais, nomeadamente a Organização Mundial de Saúde (OMS), a Agência Americana para a Segurança e Saúde no Trabalho (OSHA), a Agência Europeia para a Segurança e Saúde no Trabalho (EU-OSHA) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT).

 

Prémio globais de prestígio
O empenho do Grupo em relação a um modelo de gestão responsável tem sido reconhecido ao longo dos anos por muitas organizações e agências de avaliação de sustentabilidade. Entre as muitas classificações em que o Grupo se orgulha de estar incluído, está, pelo sexto ano consecutivo, o Dow Jones Sustainability World Index (DJSI) e também o reconhecimento como um dos líderes no Italy 100 Carbon Disclosure Leadership Index (CDLI) e no Italy 100 Carbon Performance Leadership Index (CPLI). Entre muitos outros prémios recebidos pela FCA, merece menção especial o “Lean & Green Management Award 2014”, atribuído à fábrica de Pomigliano d'Arco (Itália), o “Prémio AEA de Meio Ambiente” concedido ao programa “Árvore da Vida” promovido pela FCA Brasil e o “Best Employers for Healthy Lifestyles Gold Award” entregue à FCA EUA.