• Circuito
  • Räikkönen
  • Giovinazzi
  • GALERIA

Singapore

COMPRIMENTO DO CIRCUITO NÚMERO DE VOLTAS DISTÂNCIA CORRIDA
5.063 km 61 308.706 km

Grande Prémio Singapura

Räikkönen

Kimi Räikkönen

Não foi exatamente o fim de corrida que esperava, mas é o que é. Os meus pneus estavam degradados e, enquanto eu consegui ficar em posição após o primeiro reinício, no segundo os pneus estavam demasiado frios e, por isso, perdi três posições e a partir daí foi uma luta. O incidente com o Daniil Kvyat terminou a minha corrida, mas eu não ia a lugar nenhum. Quando olhei para a reta, ele estava bem atrás, mas quando estava entrar na curva, vi-o no canto do olho, já era tarde demais para reagir. Vi os stewards, mas não acho que haverá consequências.

Qualificação: 13º
Corrida: Não terminou

Giovinazzi

Antonio Giovinazzi

Foi uma corrida bem disputada. Estou feliz por trazer para casa um ponto para mim e para a equipa, mas ainda tenho a sensação de que poderíamos ter terminado mais alto. Estendemos a nossa primeira passagem em médias superiores ao ideal, embora seja fácil olhar para trás com o benefício da retrospectiva. Se tivéssemos parado antes, talvez pudéssemos estar à frente do Norris no P7. Tive que lutar no final por causa dos pneus e o confronto com o Daniel [Ricciardo] também não ajudou, pois fiquei com danos à suspensão dianteira pelo resto da corrida. O volante puxou para um lado e foi uma luta tremenda, mas eu queria mesmo esse ponto e lutei até o fim por essa posição. Liderar a corrida e lutar no topo contra os Ferraris e Mercedes foi uma grande sensação, e espero que alguém em casa tenha capturado um screenshot da classificação na época!

Qualificação: 11º
Corrida: 10°

 

GALERIA